Foto: Daniel Reininger

Deadpool 2 | Morena Baccarin, Brasileirinha entre os astros de Hollywood esteve em São Paulo

Deadpool 2 | Morena Baccarin, Brasileirinha entre os astros de Hollywood esteve em São Paulo

Carioca, filha do jornalista Fernando Baccarin e da atriz Vera Setta, Morena Baccarin, uma das estrelas do novo lançamento da Fox Film Deadpool 2”,  foi morar em Nova York aos 7 anos após o pai ser transferido para a Rede Globo de lá.Seu nome peculiar foi ideia de uma das maquiadoras da mãe . Após perceber a vocação artística e terminar os estudos, ela se mudou para Los Angeles em 2001 e logo conseguiu um papel importante na série “Firefly” de Joss Whedon. Em 2010 veio ao Brasil divulgar o remake da série dos anos 80: “V – A Batalha Final” onde interpretou uma alienígena.

Coletiva descontraída e sincera até demais

Na coletiva de imprensa nesse último domingo (06/05/18 no MIS – Museu da Imagem e do Som de São Paulo) totalmente em português a brasileira desmistificou o mundo de fantasia hollywoodiano mostrando que os astros também são humanos e vivem no mesmo universo dos fãs . Em uma ascensão meteórica devido aos papeis de destaque nas séries “Homeland” e “Gotham” e recentemente na franquia de cinema Deadpool ela declarou por esse motivo estar extremamente cansada (ainda tendo dois filhos para criar). “De vez em quando sinto vontade de cheirar cocaína para ter mais pique” falou brincando com um fundo de verdade, pois sabemos que o esforço dessas atrizes de ponta é sobre-humano, incluindo a imensa pressão que elas sofrem.

Heroína tanto na DC quanto na Marvel sonha um dia interpretar a Mulher-Gato ou uma James Bond mulher. Em seu novo longa Deadpool 2”, após a substituição de David Leitch por Tim Miller que trouxe diversos comediantes para auxilia-lo ela disse que apesar das gravações do set serem muito divertidas “é um saco gravar 50 vezes a mesma cena para escolher a piada que mais encaixa”.

Vimos 4 cenas inéditas do filme

Deadpool inovou por atravessar a Quarta Parede constantemente abrindo infinitas possibilidades de improviso com piadas e soluções criativas. Apesar disso, as cenas de ação que vimos são serias e dramáticas causando a sensação de perigo de morte, diferente do infantilizado Thor: Ragnarok. Em quatro cenas inéditas, Deadpool reaparece ainda mais escrachado. Duas com Cable (um antagonista tentando matar um mutante adolescente que possivelmente causou sérios problemas em seu futuro), uma pegado da namorada Vanessa tentando aprofundar a relação dos dois, e por fim, ele finalmente combatendo o crime como um X-Men desajeitado e inexperiente ao lado do moralista Colossus.

Em “Deadool 2”, o bocudo mercenário da Marvel está de volta! Maior, melhor e, ocasionalmente, mais pelado do que nunca. Quando um supersoldado chega em missão assassina, Deadpool é forçado a pensar em amizade, família e o que realmente significa ser um herói – tudo isso enquanto chuta 50 tons de bundas porque, às vezes, para fazer a coisa certa, você precisa lutar sujo.

“Deadpoll 2” estreia no Brasil no dia 17 de maio de 2018.

 

Matéria: Rogério Candotti
jornalista colunista e crítico de cinema também do Jornal Gazeta de Pinheiros.

Foto: Daniel Reininger