Os Smurfs e a Vila Perdida | Crítica do Filme

Os Smurfs e a Vila Perdida | Crítica do Filme

_Estrela_Estrela_Estrela_Estrela_Estrela

Sinopse:

Nesta nova aventura de Smurfs, um mapa misterioso leva Smurfette e seus melhores amigos Gênio, Desastrado e Robusto em uma empolgante e divertida aventura pela Floresta Proibida repleta de criaturas mágicas, para encontrar uma misteriosa vila perdida antes que o malvado feiticeiro Gargamel o faça. Embarcando em uma jornada cheia de ação e perigo, os Smurfs estão no caminho que leva à descoberta do maior segredo da história Smurf!.

Diretor:

Kelly Asbury

Elenco: 

Kelly Asbury, Ariel Winter, Michelle Rodriguez, Julia Roberts, Joe Manganiello, Ellie Kemper, Mandy Patinkin, Rainn Wilson, Jake Johnson, Demi Lovato, Danny Pudi, Jack McBrayer, Gabriel Iglesias, Tituss Burgess,.

Estréia: 

06 de abril de 2017

 

Os Smurfs e a Vila Perdida está bem diferente do que já vimos nos filmes anteriores, é notório mudanças, principalmente na parte de conteúdo do longa, uma história mais complexa, que dá uma profundidade maior atendendo todos os requisitos do filme. Dessa vez é realizado completamente por animação, diferentes dos dois primeiros filmes que mesclavam atores com personagens feitos em CGI.

Na trama, Smurfette não muito contente, demonstra seus sentimentos principalmente quando percebe que todos seus irmãos Smurfs tem algum tipo de função precisa na comunidade e ao longo da história ela começa a descobrir o seu verdadeiro “eu”, qual é sua verdadeira função e o porquê dela ser a única menina dentre os 99 meninos Smurfs, mal sabia ela que estava prestes a descobrir que ela não era a única menina da vilarejo.

 

 

Nas aventuras que ela tem com Gênio, Robusto e Desastrado, o quarteto do “Time Smurf” enfrentam vários obstáculos durante sua fuga para a Floresta Encantada, sendo eles momentos bons, divertidos e ruins ate conseguirem entrar em contato com os outros Smurfs e avisa-los do perigo que correm. É ai que Smurfette conhece um vilarejo cheio de meninas assim como ela. O que inicialmente é encantador, vem se tornar momentos difíceis mais tarde, como salvar suas novas amigas e seus irmãos.

O que realmente chamou minha atenção no longa, o desenvolvimento mais profundo dos personagens, principalmente Smurfette que demonstrou coragem, fidelidade, e a amizade pura, por mais que ela fosse diferente dos outros Smurfs. Há momentos tristes por se sentir uma garota diferente e sem funções, mais conseguiu se reerguer e mostrar o porque ela é uma Smurf e poder provar qual é sua função na comunidade.

 

 

Os excelentes efeitos de animação realizados em Smurfs e a Vila Perdida  deixa o filme bem mais atrativo que os anteriores. Além disso, no time de dubladores originais temos a cantora Demi Lovato que empresta seus talentos para a personagem Smurfette. No elenco também temos Rainn Wilson, Julia Roberts entre outros grandes nomes de Hollywood.

Os Smurfs e a Vila Perdida tem todos os elementos de uma grande animação e será uma ótima pedida para levar as crianças aos cinemas. Ele aborda uma aventura diferenciada dos Smurfs que deveria ter sido realizada desde o primeiro filme. Você vai ter a sensação de fazer parte dessa história.