Somos Tão Jovens | Crítica do filme